Brasil
Brasil

No Distrito Federal e no Mato Grosso o combustível baixou 3,33%, enquanto no Mato Grosso do Sul, mesmo com a queda, o litro foi o mais caro da região.